DER e PMDF promovem passeio motociclístico para alertar população sobre violência no trânsito


Parte da campanha Maio Amarelo, evento na quarta (10) tem caráter educativo. Objetivo é chamar a atenção de motoristas e motociclistas para a prudência ao volante.

 

DER e PMDF promovem passeio motociclístico nesta quarta-feira (10), e não ciclístico, conforme publicado anteriormente. O passeio ciclístico ocorrerá no dia 12.

O Eixo Monumental recebe nesta quarta-feira (10) o 2º Passeio Motociclístico Maio Amarelo. A promoção, apoiada pelo governo de Brasília, faz parte do movimento mundial destinado a chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortos e feridos no trânsito.

O percurso será de aproximadamente 28 quilômetros, com concentração às 19 horas no estacionamento do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha. A ideia é alertar motoristas e motociclistas sobre a necessidade de mais prudência ao volante.

“A expectativa é fazer com que motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres tenham uma conduta consciente para promover a paz e a cidadania no trânsito”, Fábio Vargas, o diretor de Educação para o Trânsito do DER-DF

O evento é gratuito, e podem também participar motociclistas que tenham habilitação para conduzir moto. No ano passado, o passeio contou com cerca de 400 participantes.

O percurso inclui os principais pontos turísticos do Eixo Monumental, a Praça dos Três Poderes e a Ponte JK, retornando ao ponto de partida. A saída está programada para as 20h30.

A escolta será feita pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) e pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), que promovem a atividade.

O sentido do passeio é educativo, segundo o diretor de Educação para o Trânsito do DER-DF, Fábio Vargas, coordenador do movimento em Brasília. “A expectativa é fazer com que motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres tenham uma conduta consciente para promover a paz e a cidadania no trânsito”, explica.

A ação começou muito antes, com reuniões entre o DER-DF e associações de motociclistas e ciclistas para identificar as necessidades desses grupos e mapear os maiores problemas enfrentados.

O uso de celular por motoristas é uma reclamação frequente dos condutores de motos. Eles percebem que o veículo não permanece em linha reta, o que aumenta o risco de colisões.

Em razão do alto índice de acidentes envolvendo motociclistas no DF, o departamento promove diversas ações educativas. No evento, serão distribuídos kits com material educativo para alertar os condutores sobre possíveis infrações e imprudências.

Ainda faz parte das atividades do Maio Amarelo um passeio ciclístico, no dia 12, e uma corrida, em 28 de maio.

Fonte: Agência Brasília/LARISSA SARMENTO

Assessoria de Comunicação 

Sindeeco – DF

  1. Nenhum comentário ainda.
(não será publicado)