Programa Jornada fala sobre penalidades aplicadas pela falta de uso e fornecimento de EPIs


Na edição desta semana, o programa Jornada traz uma reportagem especial sobre o uso de equipamentos de proteção individual (EPI). Você vai saber quais penalidades podem ser aplicadas ao trabalhador que se recusa a utilizá-los e também aos empregadores que não fiscalizam o uso correto desses equipamentos. Os EPIs são instrumentos importantes para a prevenção de acidentes de trabalho, que muitas vezes podem ser fatais. Em funções de risco, as empresas têm obrigação de fornecê-los aos empregados.

No quadro Direitos e Deveres, as dúvidas trabalhistas de uma instrutora de natação e de um coordenador de academia vão ser respondidas por uma juíza de Campinas (SP). Já na capital paulista, as estratégias de segurança do TRT da 2ª Região servem de modelo para o judiciário brasileiro. As ações, coordenadas pela Secretaria de Segurança do tribunal, vêm sendo intensificadas há alguns anos, para garantir a proteção de magistrados, servidores e dos cidadãos que procuram os fóruns da região. E no quadro Trabalha Brasil, uma profissão bem diferente: a de personal organizer.

O Jornada é exibido pela TV Justiça às segundas-feiras, às 19h30, com reapresentações às terças-feiras às 7h, quartas-feiras, às 19h30 e quintas-feiras, às 7h. Todas as edições também podem ser assistidas pelo canal do TST no Youtube: www.youtube.com/tst.

Assista o vídeo:  reportagem sobre EPI

Fonte: CRTV/Secom/TST

Assessoria de Comunicação

Sindeeco – DF

  1. Nenhum comentário ainda.
(não será publicado)